Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora:

04
No comando: BAND CORUJA

Das 00:00 as 05:00

09
No comando: BAND BOM DIA

Das 05:00 as 05:59

10
No comando: A HORA DO RONCO

Das 06:00 as 08:59

02
No comando: MANHÃ SHOW

Das 09:00 as 10:59

HORACHEIA
No comando: Hora Cheia 1ª Edição

Das 11:00 as 12:00

03
No comando: QUEM AMA NÃO ESQUECE

Das 11:00 as 12:00

No comando: #Super6

Das 13:00 as 13:59

01
No comando: TARDE DA BAND

Das 14:00 as 16:00

HORACHEIA2
No comando: Hora Cheia 2ª Edição

Das 15:00 as 16:00

06
No comando: TOCA TODAS

Das 16:00 as 17:00

05
No comando: BAND BRASIL

Das 18:00 as 19:00

HORACHEIA3
No comando: Hora Cheia 3ª Edição

Das 20:00 as 21:00

11
No comando: CONSULTÓRIO SENTIMENTAL

Das 20:00 as 21:00

07
No comando: TOCA TODAS

Das 20:00 as 21:00

08
No comando: BAND LOVE

Das 22:00 as 24:00

Latino dá R$ 50 a menino de rua

Compartilhe:
MOLDE FOTO copiar

Latino, pai de 9 filhos, se identificou muito com uma criança de rua na tarde desta quarta-feira, 25, quando esteve na praia da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

O cantor afirmou: ”Com 12 anos eu também vendia sanduíche natural na praia”. Ao se comover com o moleque, ele decidiu dar uma nota de R$ 50 para ele.

Depois, o artista deu entrevista ao Ego, na qual contou sobre o gesto de caridade: “Eu fiquei conversando com um menino de rua. Ele contando as histórias dele e eu contando as minhas. Contei que eu saí de casa, que fiquei na rua também. Com 12 anos de idade, eu também vendia sanduíche natural na praia. Dei alguns exemplos, conselhos”.

O músico, que quase é preso por atrasar pensões alimentícias, declarou: “Ele não tem onde morar. Fiquei com vontade de levar ele pra casa, mas fiquei com pena de pedir isso para o pai dele. Vontade eu tive. Mas no fim eu o convidei para assistir meu show, no próximo sábado, no Pepê. Vai ser de graça e eu quero ele lá”.

O artista ainda revelou que pretende ajudar o garoto: “Ele disse que gosta de jogar bola. Liguei pra alguns conhecidos. Vamos ver. Os caras vão saber se ele é talentoso ou não. Mas eu dei uma atenção porque ele está com 12 anos. Dei exemplo a ele. Pra ele não cheirar, não usar droga, não roubar. Falei pra ele dos meus amigos de rua que eu perdi por conta de droga, de roubo. Ele acabou me fazendo companhia”.

No fim, acrescentou: “Acabei comprando a bala dele toda, pra ajudar. Aí no final fiquei com pena e devolvi as balas todas. Fui garoto de rua e me sensibilizei”.

(Foto: Reprodução)

Fonte: http://www.otvfoco.com.br/

Deixe seu comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Vídeo mais acessado em 2015: Luan Santana