Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Homens fãs de sertanejos dão mais longevidade à carreira de cantores - Band FM - Campinas

Homens fãs de sertanejos dão mais longevidade à carreira de cantores

Recentemente vimos duas invasões de palco em grandes shows de Gusttavo Lima. O que chama atenção não é exatamente o “drible” na equipe de segurança do embaixador, mas sim o fato de serem homens os fãs que tiveram o ímpeto de ir atrás do ídolo.

Os episódios são emblemáticos porque furam um padrão de comportamento. Raramente homens demonstram tão explicitamente a admiração por outros homens. No futebol, onde historicamente os brasileiros se sentem mais à vontade para expor sua idolatria, a paixão não é pelos atletas: é pelos clubes. Se o atacante troca de camisa no final da temporada, o torcedor logo encontra outro para admirar, movimento pela motivação maior que é ver seu time campeão. Nas artes, é diferente. A admiração é pessoal e intransferível: quando se gosta, gosta-se do artista.

No meio da música, especialmente a sertaneja, existe uma “máxima”: a longevidade da carreira de um artista é medida através de seu público. Homens são mais reservados e raramente demonstram algum tipo de idolatria. Mas, quando um homem admira e se torna fã de outro homem (a ponto de invadir o palco) esse artista terá uma sobrevida muito maior.

Isso não significa que a fã mulher seja menos “fiel” ou agregue menor valor ao artista! De jeito nenhum! Mas o homem (principalmente num ambiente sertanejo) é mais contido disfarça mais as próprias emoções.

Gusttavo Lima, Henrique e Juliano, Zé Neto e Cristiano são alguns bons exemplos de ídolos que romperam esse bloqueio e conseguiram cativar muitos fãs masculinos. São artistas que despertam uma enorme identificação com seu público, que, por sua vez, se espelha nos cantores e reconhece neles pessoas com muitos valores. Traduzindo: esses cantores são o reflexo do que seu público é ou quer ser. E isso vai muito além da música que eles cantam. Tem a ver com a imagem que eles transmitem e com a postura que exibem dentro e fora do palco. São ídolos reais, verdadeiros e não moldados dentro do padrão “politicamente correto” das figuras públicas.

Deixe seu comentário:

2021 © Todos os Direitos reservados - Band FM Campinas 106,7 - Grupo Bandeirantes de Comunicação