Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Placas terão QR Code para consulta de ponto de venda de Zona Azul - Band FM - Campinas

Placas terão QR Code para consulta de ponto de venda de Zona Azul

Os motoristas de Campinas poderão começar a utilizar o sistema QR Code para encontrar pontos de venda do bilhete da Zona Azul na cidade. Segundo a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), as placas de sinalização vertical do serviço estão recebendo gradativamente o QR Code.

O código pode pode ser escaneado pela câmera do celular e, então, o usuário receberá os locais mais próximo para comprar o bilhete. O sistema de QR Code já foi implantado na sinalização existente em trechos das vias Dr. Quirino, Dr. Costa Aguiar e General Osório, na região central.

A Emdec informou ainda que trechos de outras oito vias receberão a sinalização com QR Code Dr. Thomaz Alves, Ernesto Kuhlmann, Tiradentes, Padre Vieira, Visconde do Rio Branco, Ferreira Penteado, Antônio Cesarino, além da Praça Felipe Selhi (Álvares Machado x Cônego Cipião).

O QUE É

O QR Code é um código de barras em 2D que, ao ser lido pela câmera de celulares com sistema Android ou iOS, permite a visualização de páginas da internet e outros conteúdos. A leitura é feita a partir do aplicativo nativo da câmera. Em alguns dispositivos, é necessário baixar um aplicativo de leitura.

Atualmente, são cerca de 70 pontos de venda credenciados. A relação completa também pode ser consultada no site da Emdec, na seção “Trânsito”, “Zona Azul”, “Relação de postos de venda”. E ainda por meio do aplicativo da Emdec, disponível para download no Google Play e App Store. A opção “Zona Azul Pontos de Venda” traz o mapeamento dos estabelecimentos credenciados.

A ZONA AZUL

A Zona Azul foi implantada em 1995 em Campinas, para democratizar o uso do solo no centro do município. A Zona Azul disponibiliza, atualmente, em torno de 1,9 mil vagas aos motoristas, divididas entre as regiões central e Guanabara.

Na região central, as vagas estão distribuídas no trecho que compreende as vias Júlio de Mesquita, Dr. Moraes Salles, Irmã Serafina, Aquidaban, João Jorge, Andrade Neves, Orosimbo Maia, Anchieta e Barreto Leme. No Jardim Guanabara, a Zona Azul atinge todas as vias do quadrilátero entre a avenida Barão de Itapura e as ruas José Paulino, Prefeito Passos e Barão de Parnaíba (sem contar esta última), a Praça Mauá e a Rua Mário Siqueira.

Cada local tem um tempo determinado de permanência, que pode ser de 1h, 2h ou 5h. Para utilizar o sistema, o motorista paga o valor único e fixo de R$ 4 pelo cartão da Zona Azul, à venda nos pontos credenciados. O cartão deve ser preenchido pelo motorista e deixado em local visível no interior do veículo, para conferência dos agentes da Mobilidade Urbana.

 

Fonte – Cidade On

Deixe seu comentário:

2019 © Todos os Direitos reservados - Band FM Campinas 106,7 - Grupo Bandeirantes de Comunicação